Enfermagem de reabilitação devolve autonomia aos pacientes

Saúde sem Complicações recebeu a professora Fabiana Faleiros Santana Castro da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP. No programa, ela falou sobre enfermagem de reabilitação que é aumentar a autonomia de pacientes que passaram, por exemplo, por Acidente Vascular Cerebral (AVC), lesão medular, mal de Parkinson e paralisia cerebral.

De acordo com ela, a autonomia pode ser de decisão ou execução e cita, como exemplo, paciente que sofreu acidente automobilístico e ficou tetraplégico. Essa pessoa não perdeu a autonomia de decisão, assim, o enfermeiro especializado em reabilitação ajuda a maximizar essa autonomia seja com a ajuda da tecnologia ou até de outras pessoas. “Isso é manter a dignidade humana.”

A professora ainda afirmou que o enfermeiro é essencial na reabilitação por permanecer com o paciente nas 24 horas do dia. Além disso, se o profissional é especializado pode atender além das necessidades básicas como se alimentar até ensinar um paciente que teve AVC a comer sozinho de novo.

No Brasil, há vários centros de reabilitação como a Rede Sarah, com nove unidades. E no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (HCFMRP) da USP há o CER que é uma unidade da Rede Lucy Montoro.

Referência: Jornal da USP - Por: Giovanna Grepi

Compartilhe

Editor: Benedito Carlos Maciel
Corpo Editorial: Margaret de Castro, Benedito Carlos Maciel, Ricardo de Carvalho Cavalli
Coordenação Executiva: Célia Bíscaro
Assessoria Técnica: Seção Técnica de Informática da FMRP-USP
Assessoria: Assessoria de Imprensa do HCFMRP-USP, Assessoria de Imprensa HEAB, Assessoria de Imprensa do Hemocentro RP e Documentação Científica da FMRP-USP
Jornal Eletrônico do Complexo Acadêmico de Saúde - FMRP-USP | HCFMRP | FAEPA
2012 - Todos os Direitos Reservados - Fale Conosco